Como Montar um Negócio de Artesanato

Como montar um negócio de artesanato - Ateliê de Artesanato Lucrativo

Você quer montar um negócio de artesanato? Este guia irá te ajudar!

Para montar um negócio de artesanato basicamente você precisará de um bom produto e de clientes, para que a transação ocorra e de fato se torne um negócio, mas existem algumas atitudes que te ajudarão no processo de transformá-lo em sucesso!

A mentalidade empreendedora também é essencial, pois ela é responsável por detectar oportunidades e também colocar ideias em prática. De nada adianta uma boa ideia presa na gaveta não é verdade? Empreender significa realizar, se você está disposto a se tornar um realizador então está no lugar certo.

Hoje existem diversas modalidades de negócio de artesanato que não são necessariamente comprar e vender por encomenda. E com as ferramentas da Internet, hoje ficou muito mais fácil viver de artesanato do que era antigamente. Falarei sobre todas essas modalidades e ferramentas mais adiante.

Como montar um negócio de artesanato duradouro e lucrativo

Uma das principais dúvidas quando falamos de montar um negócio de artesanato é: “É possível montar um negócio de artesanato lucrativo e duradouro?”.

Se você conhecer e utilizar a seu favor as ferramentas online que estão disponíveis hoje, não só é possível, como será provável.

Um negócio lucrativo é composto basicamente de um bom produto sendo vendido suficientemente para cobrir os custos envolvidos e sobrar.

A durabilidade de um negócio sempre vai depender da lucratividade. E também da sua satisfação profissional e pessoal em empreender aquela ideia. Por isso, ao criar um negócio, gosto muito de utilizar a:

Fórmula Ikigai de Negócios Duradouros e Lucrativos

Como descobrir seu ikigai - Ateliê de Artesanato Lucrativo

Se você alia as suas habilidades (forças) com suas paixões, compartilhando em forma de um negócio com produtos que as pessoas desejam ou precisam e pagariam para tê-los, então você estará na rota de um negócio lucrativo e duradouro, trazendo grande realização profissional.

A fórmula Ikigai te ajuda a descobrir essa mescla perfeita.

Ex: Digamos que você é boa trabalhando com feltro e ama o Universo Infantil (imaginário, conto de fadas etc). Que tipo de produto (ou serviço) poderia oferecer que mesclasse essas duas coisas?

De repente, um negócio de fabricação de guirlandas com o nome do bebê ou criança feitas em feltro para decorar o quarto ou porta da maternidade? E neste caso, seria um negócio focado no público de mamães buscando decoração personalizada e que pagam por isto.

Negócios criados a partir de paixões e habilidades tendem a ser mais duradouros e lucrativos, pois como é o que você ama fazer, não desanima nas primeiras dificuldades e quando você faz o que ama a tendência é se sentir muito mais realizado profissionalmente do que se exercesse uma função profissional que detesta.

Mas a outra parte da fórmula tem a mesma importância: oferecer produtos que atendam necessidades para um público que pagaria por esses produtos é uma das chaves de sucesso de um negócio.

Qual é a necessidade ou desejo que pode suprir a partir dos produtos que você criará vindos de suas habilidades e paixões?

Tipos de Negócio de Artesanato

Os tempos mudaram e, por causa da Internet, hoje é possível montar diferentes tipos de negócio de artesanato. Inclusive, você pode até mesmo montar um negócio de artesanato que englobe os três tipos.

Os três tipos de negócios criativos que existem atualmente são:

Como montar um negócio de artesanato - 3 tipos de negócios - Ateliê de Artesanato Lucrativo

  • Negócio Criativo Vendedor
  • Negócio Criativo Professor
  • Negócio Criativo Inspirador

E esses três tipos de negócios criativos foram facilitados pela Internet.

Negócio de Artesanato: Vendedor

Como montar um negócio de artesanato - Negócio Criativo Vendedor - Ateliê de Artesanato Lucrativo

O tipo mais comum de negócio criativo é o vendedor, onde o artesão comercializa suas peças.

Antigamente, a dinâmica desse tipo de negócio era muito restrita a amigos, familiares e vizinhança, chegando ao seu máximo de expansão que era a participação em feiras locais de artesanato.

Com a chegada e expansão da Internet, esse tipo de negócio ganhou um público muito maior, com muitas ferramentas prontas disponíveis para facilitar esse processo de venda (como o Elo7, por exemplo).

Hoje a artesã pode comercializar seus produtos para o Brasil inteiro (e até para o mundo), utilizando a Internet como plataforma de venda e divulgação, aumentando muito a rentabilidade do seu negócio, podendo utilizar marketplaces como Elo 7 ou loja virtual própria, vendendo por encomenda ou peças prontas, podendo comercializar peças únicas ou em quantidade.

Negócio de Artesanato: Professor

Como montar um negócio de artesanato - Negócio Criativo Professor - Ateliê de Artesanato Lucrativo

Outra forma muito comum de lucrar artesanalmente é ensinando artesanato. Esse tipo de negócio criativo é um pouco mais escalável do que o Negócio Criativo Vendedor, já que ao fazer uma peça ao cliente final, o artesão lucra apenas uma vez com ela e quando produz essa mesma peça ensinando enquanto produz, o artesão pode lucrar várias vezes (proporcional ao número de alunos que estiver assistindo a aula).

E isso expandiu ainda mais com a Internet, já que um curso presencial tem sempre a limitação de espaço e um curso online pode ser vendido infinitas vezes, sem precisar de deslocamento físico, estoque etc.

Vivemos em uma época fantástica, onde a indústria de produtos digitais (cursos online, e-books, serviços de assinatura online etc) está superaquecida. Como empreendedor você deve estar atento a essa oportunidade também.

Negócio de Artesanato: Inspirador

Como montar um negócio de artesanato - Negócio Criativo Inspirador - Ateliê de Artesanato Lucrativo

Um tipo de negócio criativo pouco comentado, mas que pode ser extremamente rentável com as ferramentas disponíveis hoje é o Negócio Criativo de Inspiração.

Neste tipo de negócio basicamente o artesão compartilha inspiração artesanal, através de conteúdos online que informam, instruem ou inspiram seu público.

No Negócio de Inspiração, a peça em si é produzida não para venda, mas para ser compartilhada em algum canal de disseminação de conteúdo na Internet como You Tube ou Blogs (em forma de passo a passo ou inspirações).

Durante muito tempo esse foi meu tipo de negócio criativo, compartilhava inspirações sobre determinados assuntos que envolviam artesanato e produzia peças fotografando o passo a passo para disponibilizar em um blog na Internet.

Como lucrar com esse tipo de negócio? Comercializando espaço publicitário no blog ou canal do You Tube. É possível também mesclar com venda de produtos artesanais digitais (cursos, e-books) e venda de produtos artesanais físicos, criando um verdadeiro império artesanal digital, chamei isso de:

Seu Ateliê Online

E se você pudesse ter um local na Internet equivalente a um ateliê físico? Um local onde poderia vender artesanato, ensinar e até mesmo inspirar seu público-alvo transformando criatividade em sua marca pessoal?

É possível! Aliando estratégias de marketing digital com branding, você pode transformar a Internet na melhor aliada do seu negócio de artesanato.

Como Montar um Negócio de Artesanato: Por Onde Começar

Agora que você já conhece a fórmula de negócios lucrativos e duradouros, descobriu os três tipos de negócios de artesanato e sabe que é possível montar um negócio de artesanato como um verdadeiro ateliê online, é hora de começar a desenhar sua ideia.

Uma excelente ferramenta visual que te ajuda na clareza para que possa dar o pontapé inicial em seu negócio se chama Canvas.

Para construir uma casa, você precisa de uma planta, senão a estrutura não é confiável e nem fornece a sustentação necessária para levantar as paredes, assim também é com qualquer negócio, você precisa de um plano e de uma estrutura. O Canvas te ajuda nisso.

Ele consiste em um quadro que contém toda a lógica da criação e permite visualizar as principais funções de um negócio em blocos relacionados, nos quais se pode descrever, visualizar e alterar o modelo de negócio.

Como montar um negócio de artesanato - Canvas - Ateliê de Artesanato Lucrativo

A ferramenta é composta de nove blocos ou funções, agrupados em quatro etapas: o quê; quem, como e quanto. O Canvas te ajuda na compreensão do ramo no qual pretende empreender, o que pretende vender, para qual público, quanto vai investir e quanto pretende ganhar.

Uma dica é utilizar post-its, com diversas cores, assim poderá mudá-los de lugar quantas vezes quiser e precisar, até chegar ao melhor formato para o seu modelo de negócios.

Em cada bloco do Canvas, anote as ideias e analise a relação entre elas. Dessa forma você irá descobrir como se diferenciar, como reduzir custos e até como obter receitas. Não existe certo ou errado, crie sem medo seu Canvas!

As 4 etapas do Canvas que te ajudarão a montar um negócio de artesanato

Para que o Canvas te ajude de fato a montar um negócio de artesanato, você precisa concluí-lo tendo total clareza sobre esses 4 pontos:

O que irei fazer? Essa resposta te ajudará a construir a proposta de valor do seu negócio.
Para quem vou fazer? Aqui estão incluídos três blocos: segmento de cliente, canais; e relacionamento com clientes.
Como vou fazer? Descubra quais são os principais recursos, atividades e parceiros.
Quanto vou gastar? Avalie quais serão e como serão obtidas as receitas e qual será a estrutura de custos para viabilizar o negócio. O propósito é ajudar na organização das ideias, descobrir que cada bloco está relacionado aos demais e permitir que você ajuste o seu modelo quantas vezes for necessário, até conseguir perceber o negócio como um tudo.

Como definir o nome do seu negócio de artesanato

Agora que você já passou por cada etapa desse guia você terá muito mais clareza para escolher um nome que resuma e apresente sua ideia ao seu público-alvo.

O maior erro que as pessoas cometem quando vão definir o nome de seus negócios é tentar começar pela definição de um nome sem antes passar pelas etapas citadas aqui. Isso gera confusão e o processo de definição de nome acaba sendo bem mais demorado do que poderia ser.

Eu utilizo a estratégia das Palavras Focadas na definição de cada nome dos meus negócios. E você pode aprender essa estratégia no Curso Gratuito Como Criar um Negócio de Artesanato.

Curso Crie seu Negocio de Artesanato - Por Onde Começar - Ateliê de Artesanato Lucrativo

As chaves para montar um negócio de artesanato de sucesso!

Comecei esse guia te dizendo que para criar um negócio basicamente você precisa de um bom produto e de clientes, essas certamente são as chaves para um negócio de artesanato de sucesso.

Mas como fazer com que seu público-alvo saiba que sua solução existe para que se tornem possíveis clientes?

E é aí que entra a Internet, a grande facilitadora de negócios criativos.

Antigamente, o artesão dependia exclusivamente de recursos limitados de divulgação como boca-a-boca, panfletos, cartão de visitas e basicamente torcia para que seu possível cliente o encontrasse através desses métodos.

A Internet reverteu esse quadro e tornou possível que você encontre seu público-alvo esteja ele onde estiver no Brasil e no mundo a partir das mídias sociais.

Seu público-alvo curte páginas relacionadas à sua necessidade ou desejo no Facebook e utiliza hashtags específicas em postagens no Instagram. Ele utiliza determinadas palavras-chave em suas buscas no Google e procura por inspirações específicas no Pinterest.

E quando você entende isso e entende o que seu público-alvo está fazendo na Internet, você encontra um manancial de possíveis clientes que é simplesmente impossível de ser ignorado.

E isso vale para qualquer tipo de negócio criativo que você decida criar: Venda, Ensino ou Inspiração.

Falei sobre isso no guia Como Divulgar Meu Artesanato.

Passo a Passo para Montar um Negócio de Artesanato de Sucesso

a) Planeje-se

Inicie seu negócio criativo com o pé direito, estudando o mercado, desenvolvendo seu Plano de Negócios e Canvas, estabelecendo metas e definindo métodos de trabalho. Dessa forma, o negócio terá uma estrutura sólida, facilitando todas as outras etapas do seu desenvolvimento.

O artesão é um profissional que mergulha em seu processo criativo. Quando há planejamento de trabalho, é possível mesclar todas as etapas administrativas e produtivas de seu negócio, sem atropelos ou desorganização.

b) Inove: Qual é seu diferencial?

“Durante muitos anos, a cor dos equipamentos de informática era rigidamente padronizada na cor bege clara. A Apple, empresa norte-americana fabricante de computadores e outros periféricos, atendendo à necessidade emergencial de faturar mais e deter a perda da fatia de mercado, adotou a cor azul e a transparência nas suas mercadorias, revolucionando um padrão até então aceito sem discussão, crescendo imediatamente, com esta ação, suas receitas no mundo inteiro.” SEBRAE / SP

Dei o exemplo acima para mostrar como uma pequena modificação pode fazer toda a diferença em um produto.

Procure utilizar a criatividade em todas as etapas da construção, divulgação e administração de seu negócio criativo, oferecendo diferenciais no produto final.

Lembre-se que com a Internet seu concorrente não é mais o artesão da sua cidade, mas artesãos do país inteiro, então procure sempre aperfeiçoar seu trabalho!

Oferecer diferenciais já no conceito do negócio, até em sua apresentação, loja virtual, maneira de divulgar e de lidar com o cliente, transformarão seu negócio em algo extremamente cativante e digno de divulgação boca-a-boca (em qualquer negócio esse tipo de divulgação também é muito importante e faz a diferença porque não existe melhor propaganda do que a de um cliente satisfeito).

c) Encante seu cliente

Encantar o cliente é uma das formas de cativá-lo e transformá-lo em cliente fiel!

O processo de encantar o cliente não é tão difícil quanto aparenta, começa com medidas simples, como oferecer um bom atendimento e apresentação do que oferece.

Esteja sempre buscando formas de encantar seu cliente com uma experiência nova e surpreendente.

Como montar um negócio de artesanato de sucesso - Ateliê de Artesanato Lucrativo

É possível oferecer uma experiência fantástica no atendimento, na apresentação do produto, no site do negócio, na divulgação, na qualidade, em acompanhamento pós-venda, entre outros.

d) Esteja antenado com o mundo virtual e artesanal, mas não perca sua essência.

Esteja atento às tendências, mas não perca sua essência e propósito.

Como sua principal ferramenta de vendas e divulgação será a Internet, é importante estar sempre conectado às novidades que aparecem no mundo virtual para aplicá-las em seu negócio, se for viável.

e) Coloque no lugar do cliente

Desde a concepção e planejamento do negócio, coloque-se no lugar do seu cliente. É para ele que você está criando um negócio, para atender uma necessidade a partir do que você sabe fazer.

Outra dica fundamental é, com o negócio de artesanato já implantado, procure periodicamente fazer o papel de cliente e fazer compras em sua própria loja virtual, assistir as aulas de seu curso ou visitar seu blog de negócios como se fosse seu cliente.

Visite também todas as outras formas de contato e divulgação de seu negócio. Dessa prática podem resultar diversas modificações positivas em seu negócio de artesanato.

Colocar-se no lugar de seu cliente também te ajuda a tomar decisões importantes em seu negócio. Por exemplo: “Como cliente, como gostaria de ser surpreendido?”, “Quais são as qualidades que mais prezo em um negócio como cliente?” etc.

f) Aprimore-se constantemente

Mantenha sua mente em aprendizado constante. Busque estar sempre participando de cursos, treinamentos e workshops, pois a criatividade vem da mescla de estímulos.

Procure submeter sempre sua mente à novos estímulos através de conteúdos diferenciados em sua rotina (leitura, lazer etc).

g) Simplifique

Muitas excelentes ideias são ideias simples, aproveite-as em prol do seu negócio artesanal!

Não é necessário reinventar a roda em seu negócio criativo, geralmente as melhores ideias são simples. Como inicialmente você será responsável por muitas (ou todas) as etapas do negócio, procurar simplificar os seus processos, tanto artesanais, quanto administrativos, só irá contribuir com seu sucesso.

Facilitar a vida do seu cliente, simplificando o relacionamento entre seu negócio e ele, também pode contar pontos a favor do seu negócio!

h) Invista na qualidade

Qualidade da matéria-prima, do acabamento, do atendimento, qualidade é palavra de ordem em um negócio e já é obrigação para o empreendedor que deseja estabelecer um negócio de sucesso.

Se você optar por um montar um negócio de artesanato de venda de produtos artesanais, lembre-se também da importância da qualidade das imagens que divulgam seus produtos, pois elas influenciam diretamente na avaliação do cliente e na sua decisão de compra.

E como ganhar dinheiro com artesanato? Vou falar sobre isso no próximo guia. Até lá!

4 pensamentos sobre “Como Montar um Negócio de Artesanato”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *